Crítica | Na Mira do Chefe (In Bruges, 2008)

In Bruges é daqueles filmes que merecem muito mais reconhecimento do que possuem. Dirigido por Martin McDonagh e estrelado por Colin Farrell e Brendan Gleeson, o filme é uma mistura eficiente de humor negro e drama pessoal. Ray e Ken são dois matadores enviados para Bruges para se recuperarem de um trabalho anterior que deu errado e aguardar novas instruções.

Bruges é uma das poucas cidades medievais que restam e fica na Bélgica. Ao chegar lá, Ray chama a cidade de “lugar de merda” e diz que quer voltar para Dublin, mas Ken quer usar o tempo livre para ver de perto algumas das belas atrações turísticas. Os dois personagens não poderiam ser mais diferentes, ainda assim a química de Farrell e Gleeson é de saltar aos olhos. Os diálogos são cheios de presença de espírito, nos fazendo rir inclusive em momentos inesperados. O politicamente correto é deixado de lado em várias sequências, principalmente quando Farrell está em cena. Há até piadas sobre anões se suicidando, para vocês terem uma ideia. Pessoas mais delicadas podem problematizar vários diálogos do filme, mas pensem que quem está falando é o personagem e ele é o que é.

Em meio ao humor inspirado e ao cenário que é quase um conto de fadas, há também bastante carga emocional, principalmente relacionada ao personagem Ray e ao erro que ele cometeu no passado. Logo entendemos o peso enorme na sua consciência, talvez por isso ele tenha certas atitudes no decorrer da história. Falando na trama, prefiro não dar mais detalhes para a experiência ficar ainda melhor. Mas apenas saibam que tudo acontece nessa cidade especial.

In Bruges já tem quase 10 anos de lançamento e continua uma experiência divertida e surpreendente. Sem deixar pontas soltas e com um ato final que explora ainda mais a cidade de Bruges, o filme funciona como comédia e drama. Martin McDonagh (que também assina o roteiro) estava dando uma amostra do seu talento. Vamos ouvir falar bastante dele nas próximas semanas, já que o seu filme Três Anúncios para um Crime é um dos favoritos ao Oscar de 2018.


5 Kevin Bacons

Uma frase: – Harry. Isso é um objeto inanimado. – Você é um objeto inanimado!

Uma cena: Um flashback do personagem de Farrell que explica o peso na sua consciência.

Uma curiosidade: Tanto Colin Farrell como Brendan Gleeson foram indicados ao Globo de Ouro. Farrell ganhou o prêmio.


Na Mira do Chefe (In Bruges)

Direção: Martin McDonagh
Roteiro:
Martin McDonagh
Elenco: Colin Farrell, Brendan Gleeson, Ralph Fiennes, Clémence Poésy e Jérémie Renier
Gênero: Comédia, Crime, Drama
Ano: 2008
Duração: 107 minutos
Info: IMDB

 

Fã de sci-fi que gosta de expor suas opiniões por aí! Oinc!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *