Para ver e ouvir | Quase Famosos (2000)

Existem filmes e trilhas sonoras. Certas trilhas são selecionadas especialmente para determinados longa metragens e são compostas por músicas sensacionais. Há também os filmes cujas músicas são compostas particularmente para eles. Aproveito a nova coluna da POCILGA para compilar as 5 melhores músicas do filme “Quase Famosos”, de Cameron Crowe, que reúne o melhor dos tipos de trilhas citados acima. Há desde clássicos do rock e pop até músicas da banda fictícia criada para o filme, a Stillwater. O filme é mais uma daquelas produções para ver e ouvir.

Quase Famosos

Cameron Crowe escreveu e dirigiu “Quase Famosos”. É o filme mais pessoal do diretor, onde ele conta a própria história. Colunista da revista Rolling Stone, Cameron inspirou-se em casos da história do rock. O filme é, principalmente, uma ode ao mundo da música, especialmente ao rock´n roll. A trama se passa da década de 1970 e apresenta William Miller (Patrick Fugit), um jovem que escreve sobre música no jornal do colégio. Aos 15 anos, William finge ser mais velho e consegue um trabalho na revista Rolling Stone. Ele embarca na turnê da banda Stillwater para entrevistar os integrantes e escrever uma reportagem. O rapaz conhece Penny Lane (Kate Hudson), uma band aid (suportadora de banda). Diferentemente da groupies (que acompanham os ídolos para fazer sexo), as band aids seguem as bandas porque gostam, de fato, da música. Será uma grande viagem de autodescoberta para William, que ainda precisa lidar com a mãe super protetora. Para o telespectador, trata-se de uma jornada pelos bastidores de shows de rock e, principalmente, sobre o amor à música.

Neste filme, a trilha sonora é tão importante que orçamento gasto com músicas foi de 3,5 milhões de dólares, quando o usual seria na faixa de 1,5 milhões de dólares. Porém, a extravagância valeu a pena, afinal seria complicado produzir um filme sobre música sem ter boas canções na trilha sonora. O repertório da banda fictícia Stillwater foi composto por Cameron Crowe, Nancy Wilson – componente da banda Heart e esposa de Crowe – e Peter Frampton que, inclusive, tem um pequeno papel no filme. Porém, os atores que interpretam os integrantes da banda aparecem, nos créditos, como se fossem os autores e executores das canções.

Então vamos lá! As 5 melhores músicas do filme são:

Elton John – Tiny Dancer

(a cena do filme que os personagens cantam a música juntos é maravilhosa)

Stillwater – Fever Dog

(primeira vez que vemos a banda ao vivo é tocando essa música)

Dr. Hook and the Medicine Show – The Cover of ‘Rolling Stone’

(a cena quando a Stillwater descobre que vai ser capa da revista e canta a capela essa música é muito boa, inclusive é o próprio Jason Lee que canta)

The Stooges – Search and Destroy

(a cena em que Lester Bangs, vivido por Philip Seymour Hoffman, está dando uma entrevista de rádio e escolhe essa música para tocar é ótima)

Stevie Wonder – My Cherie Amour

(cena em que Penny Lane sofre uma lavagem estomacal porque tentou se matar tomando uma overdose de drogas, um momento triste que com essa música de fundo ganha um bom humor interessante)

* Texto revisado por Elaine Andrade

Analista de sistemas nascido em Salvador (BA) em 1980, mas atualmente morando em Brasília (DF). Cinema é sem dúvidas o meu hobby favorito. Assisto a filmes desde pequeno influenciado principalmente por meus pais e meu avô materno. Em seguida vem a música, principalmente rock e pop.

5 thoughts on “Para ver e ouvir | Quase Famosos (2000)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *