Sci-Fi | Destino Especial (2016)

Sem perder tempo com qualquer tipo de preparação, o diretor Jeff Nichols nos coloca no meio dos acontecimentos de Destino Especial de maneira inapelável. Precisamos de um tempo para começar a entender aquele mundo e a situação principal. Aos poucos, percebemos que o garoto Alton é sequestrado pelo pai e mais um amigo deste. O objetivo é levar o garoto para um lugar específico. Não sabemos onde e nem porque, mas o governo e uma seita estão atrás deles. Alton tem poderes, mas ele não tem total controle sobre eles. O mistério é grande em Destino Especial e o roteiro não se preocupa em responder todos os questionamentos levantados. Por um lado, isso estimula a nossa imaginação, por outro, notamos uma certa falta de criatividade para chegar ao um final mais impactante. De qualquer forma, o caminho que percorremos até a conclusão é cheio de atrativos. Jeff Nichols concebe uma atmosfera inquietante e nos conduz pela trama com segurança. A intensidade é sempre crescente e a trilha sonora pulsante engrandece o tom de urgência. Não dá para negar que o filme perde muito de sua força no terço final, mas no geral é uma experiência bem acima da média em termos de sci-fi.



Destino Especial, cartazDestino Especial (Midnight Special)

Direção: Jeff Nichols
Roteiro: Jeff Nichols
Elenco: Michael Shannon, Joel Edgerton, Kirsten Dunst, Adam Driver, Jaeden Lieberher
Gênero: Mistério, Drama
Ano: 2016
Duração: 112 minutos.

 

Fã de sci-fi que gosta de expor suas opiniões por aí! Oinc!

2 thoughts on “Sci-Fi | Destino Especial (2016)”

  1. Vi esse filme na Netflix, para mim o final estraga um pouco. Me lembrou outro filme nacional espírita hahhaha.

    Acho que daria uns 3 bacons porque Shanon, como de praxe, bota pra f…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *