Resenha de Livro | Putas Assassinas (Roberto Bolaño)

Mesmo sendo fã do escritor chileno Roberto Bolaño, devo dizer que Putas Assassinas ficou longe de me impressionar. Este é um livro de contos em que muitas vezes notamos um ar biográfico. Pena que em boa parte desses contos é difícil reconhecer a mesma genialidade que o autor demonstrou em vários de seus outros trabalhos, como 2666 e Detetives Selvagens. Alguns contos empolgam por abordarem histórias estranhas e excêntricas, como O Retorno e Buba e também por possuírem um lado poético e lírico, como Últimos Entardeceres da Terra, mas mesmo nesses ponto altos Bolaño não consegue elaborar um desfecho impactante. Putas Assassinas funciona melhor para quem conhece a carreira de Bolaño e sabe que se trata de uma obra menor, ainda que razoavelmente interessante. Honestamente, não o recomendaria para quem nunca teve contato com o autor.


Fã de sci-fi que gosta de expor suas opiniões por aí! Oinc!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *