Review | The Last Kingdom – 1×03: Episode 3

Em “Episode 3” as coisas começam a entrar nos eixos em relação aos livros, ainda estamos sendo apresentados a eventos que ocorreram em uma época anterior, mas até o momento essa mudança não afetou o andamento da série.

Aviso de SPOILERS

Atenção, os comentários abaixo revelam alguns dos acontecimentos presentes em ‘Episode 3’, o 3º episódio da 1º temporada de The Last Kingdom.


Para mim, fica cada vez mais claro que essa opção de mudar os eventos para um período em que Uhtred está mais adulto é simplesmente para nos fazer aceitar esse Legolas fantasiado de Uhtred. E, talvez, também para não “chocar” tanto a audiência de The Last Kingdom com cenas mais fortes sendo protagonizadas por jovens de 14 anos…

Bom, neste episódio ficamos sabendo do desfecho da batalha na colina de Æsc e da iminente morte do Rei Ethelred. Uhtred e Brida são soltos e Alfredo reconhece que os conselhos e informações de Uhtred foram úteis. Rei morto, os arranjos são feitos, Ethelwold (o filho babaca do rei) é despachado e Alfredo é indicado como rei pelo conselho.

A esposa de Alfredo aparece mais nesse episódio e, aparentemente, com uma personalidade bem diferente da Elswith dos livros. Esse lado ~ safadenha ~ dela é novidade. Hahaha

Alfredo é coroado e logo parte para negociar a paz com Guthum. O contexto dessa negociação é bem diferente dos livros, pois nessa época Uhtred ainda está com os dinamarqueses e é nesse evento que Beocca o reencontra e o leva à presença da esposa de Alfredo. Assim também que ele conhece Elthelflaed (bebê). A negociação pela cabeça de Uhtred não existiu, mas ficou bem interessante no contexto da série.

Falando em Elthelflaed (esses nomes me matam… >.<), acho que é ela a criança que aparece trocando sorrisos com Alfredo durante a coroação. Afinal, ela teria que ser uma criança já crescida para garantir uma diferença de idade aceitável entre ela e Uhtred.

Ainda com relação a esses ajustes nos eventos, é nesse episódio que Brida sofre um aborto, mas num contexto bem diferente do que conhecemos nos livros, ela ainda uma menina de 12 ~ 14 anos.

A partir desse ponto as histórias do livro e do seriado começam a caminhar na mesma época e de forma parecida. O rei Alfredo “pede” um ano de serviço a Uhtred e o alerta sobre a necessidade de um casamento, afinal ele é um ealdorman.

Leofric e Uhtred começam a trabalhar juntos e desenvolver uma espécie de amizade, enquanto Brida não aceita viver entre os saxões. Ela não tem dúvida de que é dinamarquesa!

É engraçado (ou triste?) como de modo geral todas as personagens estão bem caracterizadas e não decepcionam em relação aos seus pares no livro, a exceção, claro, continua sendo Uhtred… Alfredo permanece muito bem, são as melhores cenas por enquanto, e o Leofric também me agradou.

Por fim, temos o reencontro de Uhtred, Brida e Ragnar – O Jovem. No livro esse encontro acontece um pouco depois, mas no seriado fizeram Ragnar ir atrás de Uhtred em Wessex. O resultado é o mesmo (e ficou muito bom), Ragnar acredita na versão de Uhtred para a morte de sua família e entende o juramento que o prende a Alfredo durante um ano. Brida, por outro lado, nunca quis ficar e parte com Ragnar.

A cena final do episódio mostra um Uhtred triste vendo os navios partirem e travando um diálogo marcante com Leofric.

“Mas o que você seria? Quem você seria?”

Leitora, sonhadora e bacon lover. Tenho mais blogs do que consigo dar conta e mais livros do que consigo ler... 😉

6 thoughts on “Review | The Last Kingdom – 1×03: Episode 3

  1. Esse ator que faz Uthred deve ter sido escolhido simplesmente para alavancar a carreira dele. Deve ser queridinho de alguém importante por trás da série e resolveram usá-lo a todo custo. Me parece a única explicação com um pingo de lógica para ser aceita.

  2. tivemos o melhor episódio até agora. dá pra destacar várias cenas, como a ‘reunião’ dos dinamarqueses e saxões e o encontro de Ragnar e Uhtred. por incrível que pareça, não tenho reclamações quanto ao ator que faz Uhtred. acho que ele está fazendo um trabalho decente! vamos aguardar mais alguns episódios…

    1. Tb achei o melhor episódio, o Uhtred realmente não me desce. Não o ator em si, mas a personagem que está sendo representada. Está muito diferente. Claro, pode ser só chatice minha também. 😛

  3. Até agora esta um pouco abaixo das minhas expectativas, poucas cenas de batalha…, no final do 2º episódio se inicia uma batalha e no início do 3º a batalha já acabou… uma das coisas mais marcante de Bernard são as batalhas, os golpes, as defesas, as estratégias de batalha… estou sentindo falta disso, talvez mais para frente eles enfatizem mais isso. Só quero ver quando ele vai começar a colocar Bafo de Serpente para dançar e descrever o Jubilo da batalha! E esse Uthred tem que ficar mais Uhtred. Ainda tenho esperanças que esses aspectos vão melhorar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *