Crítica | Rastros de um sequestro (2017)

Rastros de um sequestro é um daqueles filmes que você jamais escolheria para assistir de maneira consciente em alguma plataforma de streaming com tantas opções mais famosas. Sendo assim, estou aqui para acender uma luz sobre filmes pouco conhecidos e mostrar a vocês como existem verdadeiras pérolas escondidas e precisam ser descobertas.

Neste filme temos uma história aparentemente comum: após se mudarem para uma nova casa, os pais e dois irmãos passam a viver momentos de horror e incerteza quando o filho mais velho é sequestrado. Após 19 dias ele volta ao convívio da família mas parece ser outra pessoa. Embora os minutos iniciais sejam muito objetivos, colocando na tela o teor da história, após a volta do filho sequestrado nada mais é o que aparenta ser.

Agora, destrinchando esta sinopse, temos um filme onde nenhum elemento é gratuito. A família Seok é composta por dois pais extremamente amorosos, o filho mais velho Yoo-Seok que é um verdadeiro prodígio. Ele é ótimo aluno, excelente músico, grande amigo, irmão valoroso. Não há nenhum bom adjetivo que Yoo-Seok não possua. Apesar de disso, não desperta em nada a inveja do irmão mais novo Jin-Seok. Pelo contrário, Jin nutre pelo irmão uma admiração que só cresce. Quando a família se muda para uma nova casa, um quarto que ainda tem os pertences do antigo proprietário e fica o tempo todo fechado, incomoda muito Jin. Nesse meio tempo, o Yoo-Seok é sequestrado e volta pra casa após 19 dias em cativeiro totalmente diferente do que era e sem lembrar de nada.  Essa mudança no comportamento do irmão parece ser percebida apenas por Jin e começamos a especular o que pode estar acontecendo.

Aqui não adianta formular teorias. Sempre que você acreditar que sabe o que está acontecendo, o filme coloca sua teoria abaixo. Rastros de um sequestro passa por suspense, thriller, policial, sci-fi… ele joga com o expectador o tempo inteiro mas jamais é desonesto. Sua conclusão é forte, impactante e coerente com o que foi apresentado. Se você quer imergir no cinema coreano, este é mais um bom exemplar de filme pra colocar na lista!


Uma frase: – Aquele idiota está desconfiado”

Uma cena: A cena final.

 

 

 


Rastros de um sequestro (Gi-eok-ui bam)

Direção: Hang-jun Jang
Roteiro:
Hang-jun Jang
Elenco:  Ha-Neul Kang, Mu-Yeol Kim, Seong-kun Mun
Gênero: Thriller
Ano: 2017
Duração: 108 minutos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *