Review | Homecoming – 1ª Temporada

Dois elementos fazem de Homecoming, nova série original da Amazon Prime Video, uma boa opção na hora de se arriscar em assistir um novo seriado. O primeiro é a presença da atriz Julia Roberts protagonizando pela primeira vez um programa televisivo. O segundo é a direção de Sam Esmail, conhecido pela série Mr. Robot, que demonstra mais uma vez todo o seu talento técnico.

Homecoming é um local utilizado pelo exército americano para ajudar soldados que estão retornando do serviço a ser ajustar novamente à sociedade. Julia Roberts interpreta Heidi Bergman, uma psicóloga que faz terapia com os homens para teoricamente ajudar na recuperação deles.

O tema da série tem alguma similaridade com Barry, da HBO, já que também mostra soldados com dificuldades em voltar às suas vidas normais. No entanto, a abordagem é diferente, pois existe uma preocupação do exército em ajudar aqueles que prestaram serviço à instituição e ao país. Além disso, existe um mistério por trás da Homecoming.

Um dos soldados que faz terapia com Heidi é Walter Cruz (Stephan James). A relação entre os dois é construída de forma interessante pela série. No início, a mulher e a Homecoming parecem bem intencionadas, porém, o grande mistério do programa é justamente revelar qual seria o real intuito da instituição com esse tratamento psicológico dos soldados.

Existem duas linhas cronológicas acontecendo em Homecoming. A primeira mostra a época em que Walter está fazendo o tratamento junto com Heidi e a outra – alguns anos no futuro – mostra Thomas Carrasco (Shea Whigham), um funcionário do Departamento de Defesa dos EUA que está investigando um incidente ocorrido no local envolvendo Heidi e Walter.

Contudo, quando Carrasco aborda Heidi, a mulher está trabalhando como garçonete em um restaurante e aparentemente não tem nenhuma memória relacionada ao seu trabalho na Homecoming. Estaria ela mentindo ou realmente algo aconteceu com ela?

Para não confundir o telespectador, a razão de aspecto dos eventos que estão acontecendo no “futuro” é diferente, em um formato quadrado que lembra as televisões antigas. Mas o propósito é claro: mostrar que existe algo sendo escondido e dessa forma não é possível ter uma visão completa do que é apresentado na tela.

Essa é apenas uma das formas que o diretor Sam Esmail, que dirige todos os 10 episódios de Homecoming, apresenta para diferenciar a série na sua parte técnica. A fotografia de Tod Campbell também impressiona ao apresentar movimentos de câmera e ângulos que não são comuns em programas de tv, dando ao seriado um ar de cinema.

Outro elemento importante da narrativa é o personagem Colin Belfast, interpretado por Bobby Cannavale, que é o supervisor de Heidi. Ele trabalha para uma empresa chamada Geist, que é a responsável pela Homecoming. Ou seja, ele é a pessoa que sabe a verdade e as reais intenções do local.

O elenco é o principal destaque do seriado. Julia Roberts mostra todo o seu talento e carisma, sendo sem dúvidas o grande trunfo de Homecoming. Mas o principal destaque fica por conta de Bobby Cannavale, que constrói um personagem complexo e ambíguo em suas intenções, indo do ameaçador ao conciliador em um piscar de olhos, algo que o ator alterna com naturalidade. A série ainda conta com participações especiais de atores como Sissy Spacek, Hong Chau (Pequena grande vida) e Marianne Jean-Baptiste.

Durante os 10 episódios, que tem em média 30 minutos cada, a série explora bem os mistérios por trás da Homecoming e principalmente a relação entre os personagens. O formato ajuda a apresentar uma narrativa de forma ágil e sem enrolações.



Homecoming – 1ª Temporada

Criado por: Eli Horowitz e Micah Bloomberg
Emissora: Amazon Video
Elenco: Julia Roberts, Bobby Cannavale, Stephan James, Shea Whigham, Alex Karpovsky e Sissy Spacek
Ano: 2018

Analista de sistemas nascido em Salvador (BA) em 1980, mas atualmente morando em Brasília (DF). Cinema é sem dúvidas o meu hobby favorito. Assisto a filmes desde pequeno influenciado principalmente por meus pais e meu avô materno. Em seguida vem a música, principalmente rock e pop.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *