Resenha de Livro | A História do Cinema Para Quem tem Pressa

É possível resumir mais de 100 anos da história do cinema em apenas 200 páginas? O autor Celso Sabadin prova que é possível no livro “A História do Cinema Para Quem tem Pressa”. O título faz parte de uma série que também conta história sobre outros temas em “poucas” páginas para quem está com pressa em saber mais sobre o assunto.

Apesar de parecer uma missão impossível, o jornalista, crítico, professor e cineasta Celso Sabadin cumpre de maneira muito eficiente o objetivo. Nas 200 páginas ele resume muito bem a história do cinema e cita os principais acontecimentos, que vão desde o começo, quando Thomas Edison e Os Irmãos Lumière conseguiram apresentar as imagens em movimentos, até os dias de hoje.

Sabadin separa o livro em 22 capítulos e cada um deles toca em alguma parte histórica importante sobre o cinema. O autor tem uma escrita objetiva e didática, conseguindo resumir muito bem as informações. É incrível como ele descreve bem o contexto histórico por trás dos fatos, dessa forma ele vai além e mostra o quanto a 7ª arte influenciou e foi influenciada pela sociedade, além de ser um reflexo sobre ela.

Se em 2018 vemos que o atual presidente americano está em uma luta ferrenha contra os imigrantes ilegais no país, é interessante notar como pouco mais de 100 anos atrás eles chegavam nos Estados Unidos e ajudam a transformá-lo em uma grande nação. Os maiores estúdio de cinema foram criados por estrangeiros e por mais que a maioria depois tenha sido vendido, é importante a reflexão sobre um capítulo tão recente da história da humanidade.

A História do Cinema Para Quem tem Pressa, imagem

É interessante também ver como as imagens em movimento antes eram usadas mais como valor científico, como uma forma de registrar momentos, mas se transformou em entretenimento e uma grande indústria em todo o mundo, principalmente nos Estados Unidos.

Em cada capítulo vemos uma nova parte da história do cinema, em como diversos países como França, Espanha, Rússia, Alemanha, Brasil, além dos próprios EUA, tiveram sua parcela na evolução da arte. Ou de como a primeira e segunda guerra influenciaram no desenvolvimento da indústria, transformando os Estados Unidos na maior potência.

A História do Cinema Para Quem tem Pressa” é recomendado para qualquer tipo de amante da 7ª arte que esteja interessado em saber mais a respeito dela, mas também pode servir como pontapé inicial para uma estudo mais aprofundado sobre o tema. O próprio autor cita no final suas referências bibliográficas e elas podem servir como sugestões de leituras futuras. Além disso, Celso Sabadin cita diversos filmes e assisti-los é a melhor forma de conhecer mais sobre cinema.



A História do Cinema Para Quem tem Pressa, capaTítulo: A História do Cinema Para Quem tem Pressa
Autor: Celso Sabadin
Editora: Valentina
Número de páginas: 200

Analista de sistemas nascido em Salvador (BA) em 1980, mas atualmente morando em Brasília (DF). Cinema é sem dúvidas o meu hobby favorito. Assisto a filmes desde pequeno influenciado principalmente por meus pais e meu avô materno. Em seguida vem a música, principalmente rock e pop.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *