Crítica | 13 Reasons Why – 1×06: Fita 3, Lado B

13 Reasons Why é capaz de entreter e, na mesma medida, conscientizar as pessoas para problemas potencialmente catastróficos. Apesar disso, não se trata de um seriado perfeito. Esta Fita 3, Lado B é um exemplo disso. Algumas situações e certos diálogos parecem terem sido elaborados com pressa e chegam a incomodar um pouco. A onipresença de Tony também é algo relativamente estranho. De qualquer forma, tivemos mais um importante episódio.

Os recentes acontecimentos na vida de Hannah a tornaram um tipo de presa a ser conquistada. Marcus, um excelente aluno, achou que poderia fazer com ela o que bem entendesse. Deixá-la esperando por 1 hora não foi o bastante. Ele resolveu tomar liberdades e revelar que se trata de mais um babaca, mais um porquê.

Convenhamos, o que vimos até agora parece pouco para que alguém resolva se suicidar. E além do mais, Hannah sempre pareceu madura e capaz de absorver as decepções. Trata-se de um acúmulo de situações que vão minando o psicológico da garota. E não vamos nos esquecer que ainda faltam 7 fitas e a tal festa mencionada antes. E a fita de Clay.

No tempo presente, tivemos uma briga um tanto bizarra de Alex e Mont. Mais bizarro ainda, é o tal conselho de honra comandado por Marcus. A escola realmente não sabe lidar com os problemas do seus alunos.

Outro ponto importante ressaltado aqui é a falta de uma conexão verdadeiro dos filhos com seus pais. A garota Jessica está se transformando em um alcoólatra sem o pai desconfiar, Justin tem uma mãe problemática, Alex tem uma conversa estranha com o pai e Clay basicamente diz que não precisa de ajuda da sua mãe.

E como será que foi a conversa de Zach e Hannah?

Aguardemos.

Fã de sci-fi que gosta de expor suas opiniões por aí! Oinc!

One thought on “Crítica | 13 Reasons Why – 1×06: Fita 3, Lado B”

  1. Acredito que tudo vá culminar par esse acúmulo de acontecimentos que, aparentemente possam parecer pequenos aos nossos olhos, mas novamente, só quem sofre sabe a dor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *