Radiola Torresmo #12 – Um boteco em 67

Rafael Saldanha (@elrafosaldanha) senta no botequim com Gustavo “Mãozão” Mattos (@gummattos) para um papo embriagado sobre o ano de 1967. Programa sem papas na língua no qual os apresentadores se perdem na pauta e acabam falando mal de praticamente todo mundo que está ouvindo!

Ouça no player abaixo ou baixe aqui.

Participe do Radiola Torresmo mandando e-mails para radiolatorresmo@pocilga.com.br ou através do twitter @radiolatorresmo.

Ficha técnica:

Apresentação: Rafael Saldanha e Gustavo “Mãozão” Mattos

Bloco 1

The Beatles – A day in the life

Leonard Cohen – So long, Marianne

Bloco 2

The Doors – You’re lost little girl

Jefferson Airplane – White Rabbit

Bloco 3

Caetano Veloso – Alegria, Alegria

Serguei – Maria Antonieta Sem Bolinhos

Bloco 4

Velvet Underground & Nico – I’m waiting for the man

Pink Floyd – Lucifer Sam

Bloco 5

Cream – Sunshine of your love

The Jimi Hendrix Experience – Fire

Músicas de fundo (em ordem alfabética):

Dionne Warwick – I say a little prayer for you [Instrumental]

Miles Davis – Circle

Miles Davis – Orbits

Pascoal Meirelles – Ponteio [Instrumental]

Procol Harum – Whiter shade of pale [Instrumental]

The Beach Boys – Good Vibrations [Instrumental]

The Rolling Stones – She’s a rainbow [Instrumental]

The Turtles – Happy Together [Instrumental]

The Who – I can see for miles [Instrumental]

Scottie McKenzie – San Francisco (be sure to wear some flowers in your hair) [Instrumental]

Van Morrisson – Brown eyed girl [Instrumental]

Zimbo Trio – Domingo no Parque [Instrumental]

Comentados no programa:

Showmusica

Documentário “Uma Noite em 67” completo

Foto icônica de Muhammad Ali

Clipe de The memory remains, do Metallica (com participação de Marianne Faithful)

Foto do Serguei nos anos 60

Apresentação de Edu Lobo e Marilia Medalha com Ponteio, no Festival da Música Popular Brasileira de 67

Margarida, música de Guarabyra vencedora do FIC de 67

Verbete Kitsch, na Wikipedia.

Um ranzinza leitão especializado em música, mas que também dá pitacos sobre cinema, quadrinhos e literatura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *