Clássicos | Gritos e Sussurros (1972)

Apesar de não ser o filme mais difícil de Ingmar Bergman, Gritos e Sussurros exige bastante do público. O diretor sueco penetra nos recônditos mais profundos da alma humana. Vários temas que marcaram a carreira dele estão aqui, como as relações humanas, o medo da morte e a busca pelo sentido da vida. É daqueles filmes profundos que exigem reflexões e debate.

Gritos e Sussurros mostra Agnes cada vez mais próxima da morte. Acompanham ela suas duas irmãs e a criada Anna. É uma situação ideal para notarmos o distanciamento e a frieza presente nesta família. Um jantar com o marido é uma experiência maçante e a chegada do médico para tratar a irmã se transforma em uma oportunidade de um relacionamento extraconjugal. A única pessoa que se mostra verdadeira humana para com Agnes é a criada.

Os simbolismos são parte fundamental desta experiência. A cor vermelha representando a alma é algo óbvio, mas poderoso. E o que dizer da cena envolvendo um caco de vidro e sangue, muito sangue? Polêmica, chocante e genial. Ao meu ver, bem diferente do que Lars Von Triter fez no patético Anticristo.

Com a ajuda do diretor de fotografia Sven Nykvist, Bergman fez de Gritos e Sussurros um dos seus trabalhos mais complexos. Close-ups fechadíssimos parecem revelar o psicológico de cada personagem. Para o bem ou para o mal.

Apesar da melancolia que permeia quase todo o filme, o desfecho traz uma dose de esperança.


Uma frase: O funeral foi tolerável. Ninguém chorou ou ficou histérico.

Uma cena: Anna acalentando Agnes de uma forma que remete a Pietà.

Uma curiosidade: Bergman produziu o filme com o seu próprio dinheiro.

 

.


gritos-e-sussurros-posterGritos e Sussurros (Viskningar och rop)

Direção: Ingamar Bergman
Roteiro: Ingmar Bergman
Elenco: Harriet Andersson, Liv Ullmann, Kari Sylwan
Gênero: Drama
Ano: 1972
Duração: 91 minutos
Info: IMDb

 

Fã de sci-fi que gosta de expor suas opiniões por aí! Oinc!

One thought on “Clássicos | Gritos e Sussurros (1972)

  1. * Recônditos (bingo!) – piada do varacast que cada pessoa que usa alguma palavra difícil alguém grita bingo (risos).

    De Bergman eu só vi O 7º Selo e não curti muito, mas o respeito bastante. Preciso assistir novamente esse que citei e também ver outras coisas da sua filmografia como esse aqui.

    E também não gosto de Anticristo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *