7 Motivos para assistir SUITS

Começar uma nova série é sempre complicado, são muitas as dúvidas que surgem antes de assumir mais um ‘compromisso’ como este. Criada e escrita por Aaron Korsh , SUITS foi lançada em 2011 pelo canal a cabo USA e segue o universo do mundo da advocacia, ou seja, é uma série legal (não resisti :P) e se você está na dúvida se deve ou não assistí-la vou lhe dar 7 motivos para adicioná-la a sua watchlist agora mesmo!

1- Não é um clichê (de séries de advogados)

Na maioria das séries sobre o tema, acaba passando uma imagem que todo advogado é um “semi-deus”, casos impossíveis que são solucionados com facilidade, provas que aparecem nos últimos momentos de um caso e acaba livrando o réu que até então era culpado em todo episódio, esses clichês sensacionalistas e exagerados que acabam iludindo muitas pessoas a respeito da profissão são excluídos em Suits. É claro que os casos apresentados na série dificilmente ou nunca aconteceriam aqui no Brasil ou em muitos lugares do mundo, mas é a ficção mais realista possível.

2- É uma série que te ensina valores e te motiva a crescer como pessoa e como profissional

A série é recheada de frases motivacionais, mas o que mais motiva são os personagens e suas maneiras de lidar com situações inusitadas e de riscos, com alguns casos que às vezes é preciso arrancar o próprio braço pra sobreviver, a maneira como a série fala a respeito de motivação e desempenho profissional é impressionante, os personagens passam por problemas reais de pessoas reais, como citei acima, nada de “endeusamento” de advogados. A maneira como cada um enxerga o problema e lida com ele é impressionante, personagens fortes e excêntricos que sempre ensinam alguma coisa pra você.

3- Protagonista emblemático

Harvey Specter é um advogado frio, implacável, persuasivo, manipulador, mas principalmente um homem cujo sua principal motivação de vida não é o dinheiro, mas o poder. A  série não gira em torno dele especificamente, mas com certeza é o personagem mais intrigante de toda a série.

Harvey é facilmente posto em uma lista de personagens mais dominadores e líderes do mundo das séries, sua personalidade é simplesmente apaixonante e ao mesmo tempo motivadora, ele é uma versão de Frank Underwood da advogacia, extremamente manipulador e não mede esforços ou meios pra conseguir seus objetivos, é um personagem com muitas camadas a serem exploradas que o Gabriel Match interpreta com maestria. Uma outra curiosidade interessante é o fato de a cada episódio ele usar no mínimo 4 ternos diferentes, é charmoso e implacável.

4- Coadjuvante gênio

Mike Ross é um rapaz com habilidades evoluídas, ele possui memória fotográfica e isso o alçou a um generoso cargo como advogado numa das maiores empresas de Nova York. Sem ter nunca pisado em Harvard, mas ter decorado todo código penal, a mente do Ross é simplesmente fantástica, ele é mesmo um gênio e sua personalidade entra em equilíbrio e sintonia com a do Harvey. Os dois possuem uma relação que vai muito além da chamada “pupilo e mestre”, criando um laço de amizade que é uma das coisas mais contagiantes da série, eles não demonstram ou verbalizam sua admiração ou sentimento pelo outro, mas tudo isso fica bem claro.

SUITS -- Season: 2 -- Pictured: (l-r) Rick Hoffman as Louis Litt, Gina Torres as Jessica Pearson, Gabriel Macht as Harvey Specter, Patrick J. Adams as Mike Ross, Meghan Markle as Rachel Zane, Sarah Rafferty as Donna -- Photo by: Robert Ascroft/USA Network
SUITS – Foto do elenco na 2º Temporada.

5- Trama envolvente

A história te prende a ponto de deixar de assistir outras séries e se prender apenas a ela, eu pessoalmente já fiquei 15 horas assistindo direto Suits tamanho envolvimento. Os episódios apresentam histórias concisas e ao mesmo tempo incompletas, tudo isso combinado a cliffhangers poderosos que fazem o espectador ser movido pela curiosidade de terminar a história logo e resultando em um vício imediato.

6- Não tem romance, mas você terá a quem Shippar

A série é de drama e não perde tempo com romances ou histórias de amor de contos de fadas, mas possui um “casal” que você vai acabar torcendo. Donna é a secretária do Harvey, é a única que o entende e sabe lidar com ele. Harvey é dado como frio pra muitos, mas Donna consegue ultrapassar suas camadas e enxergar o lado mais humano dele. Ela, por sua vez, é engraçada e possui um sarcasmo incomum. Você torce pra ela ficar com o Harvey, pois é a única que o entende e o enxerga muito além de seus ternos de 20.000 dólares ou seus cortes de cabelo de 500.

7- Referências à cultura Pop

SUITS é recheada de referências a filmes antigos ou atuais, séries como Game Of Thrones ou Mad Man, sobre peças americanas, escritores americanos, filmes nerds como Star Wars, Senhor dos Anéis, atores americanos, ou seja, tudo que você conhece e o que não conhece na cultura pop eles irão citar em algum episódio e fazer você dar boas risadas, sendo uma forma de descontração entre cenas de tensão e seriedade.


E você assiste SUITS? Se não assiste já te dei 7 motivos para corrigir esta falha.

Entendo Fight Club de trás pra frente, mas não entendo Donnie Darko de jeito nenhum e o pião de Inception não me confunde.

3 thoughts on “7 Motivos para assistir SUITS

  1. Fiquei até curioso, mas por enquanto estou sem condições de encarar uma nova série.
    E o negócio ainda está no ar e vai começar uma 7ª temporada.
    Quem sabe quando acabar não penso em dar uma chance.

  2. É legal, mas a enrolação e repetição de alguns temas me cansaram. O que me cativa é ver o desenvolvimento de alguns personagens muito bem escolhidos. Acho mais legal assistir ao Louis Litt do que ver o Mike Ross. A trilha sonora também vale a pena pra conhecer coisa nova e buscar referências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *