As Meninas Superpoderosas estão de volta

As Meninas Superpoderosas estão de volta

Será que a “crise criativa” que está fazendo ter uma série de remakes de seriados e também séries baseadas em filmes, além de programas sendo “ressuscitados” na televisão também chegou às séries animadas? Talvez essa seja a explicação mais fácil para após 10 anos terem resolvido fazer novos episódios de As Meninas Superpoderosas, sucesso do Cartoon Network. Mas após assistir alguns episódios essa impressão fica de lado. Tudo bem, sempre é mais fácil tentar emplacar um novo programa baseado em algo já existente. Só que o público alvo maior é o infantil, então quem acompanhava o desenho na época já “envelheceu”.

No final das contas resolveram fazer uma atualização da animação e apostar em algo que já fez sucesso e que tem tudo para ganhar uma nova geração de fãs. E o melhor de tudo é que alguns episódios fazem referências a coisas mais “adultas” na intenção de agradar os mais velhos que resolverem assistir. Seja por nostalgia ou simplesmente porque apesar de “velhos” ainda gostam de assistir desenho (como esse que vos escreve).

O visual novo ficou parecido, mas obviamente deu uma atualizada. E algumas outras atualizações foram feitas, como por exemplo, o telefone. Antes um telefone fixo ficava na casa das meninas para que o prefeito de Townsville pudesse ligar para elas pedindo ajuda. Agora cada uma tem seu próprio smartphone, como qualquer adolescente dos dias de hoje.

A história é basicamente a mesma onde as 3 meninas: Florzinha, Docinho e Lindinha, vivem com o professor e elas vão para escola além de proteger a cidade de Townsville de monstros e vilões. Eles não perderam tempo fazendo um episódio piloto explicando os detalhes. Então cada episódio funciona de forma independente sem uma ordem cronológica.

Episódios junto com os EUA

Uma boa notícia é que o Cartoon Network está exibindo os episódios ao mesmo tempo em que os EUA, seguindo a tendência atual de outras emissoras no Brasil como a HBO e Game of Thrones e a Fox com The Walking Dead. Espero que isso vire uma regra e não uma exceção com todos os canais, afinal de contas a concorrência com a Internet é forte e os canais de TV por assinatura, principalmente no Brasil, precisam se cuidar já que estão perdendo espaço cada vez mais para serviços como a Netflix.

Serão produzidos ao todo 40 episódios cada um com 11 minutos em média nessa 1ª temporada. Se fizer sucesso é bem provável que ganhe uma nova temporada. O Cartoon Network brasileiro exibe o desenho de segunda a sexta às 19:30 (com reprise a tarde). Ele começou a ir ao ar na última segunda-feira dia 4 de Abril. Nesse começo está sendo exibido praticamente um episódio inédito por dia, mas a partir do número 11 devem começar a ser exibido um novo por semana.

meninas_superpoderosas-01

Referências adultas

Um dos melhores episódios até agora se chama “A Festa do Doce” (The Stayover) e faz uma referência clara ao filme “Se beber, não case”. As meninas fazem uma festa do pijama em casa com consumo altíssimo de doces e acordam de “ressaca” sem lembrar o que aconteceu. Para piorar Florzinha e Docinho não lembram o que aconteceu com a Lindinha e vão atrás de informações sobre o que aconteceu na noite anterior. Já começa que tem um touro na cozinha da casa delas. Sensacional!

Mesmo sendo uma aposta fácil e comprovando de alguma forma a “crise criativa” da televisão atual, não se pode negar a qualidade dessa nova animação das Meninas Superpoderosas. O desenho marcou bastante então sempre houve essa demanda por novos episódios. Inclusive acho até que o Cartoon Network até demorou em resolver investir nisso. A atualização ficou muito boa e tem tudo para agradar a nova geração. E o clima de nostalgia faz com que os fãs antigos resolvam dar uma nova chance e voltar no tempo de alguma forma. Ou quem sabe também a chance de apresentar um desenho que você gostava para seu filho(a) ou algum pequeno que você conheça sem que ele esteja de alguma forma datado.


meninas_superpoderosas-cartazAs Meninas Superpoderosas
Título Original: The Powerpuff Girls
Com as vozes originais de: Tom Kenny, Amanda Leighton, Kristen Li, Natalie Palamides, Roger L. Jackson e Tom Kane
Com as vozes em português de: Oziel Monteiro, Érika Menezes, Jéssica Vieira, Ana Elena Bittencourt, Hércules Franco e Carlos Gesteira
Criado por: Craig McCracken
Diretores: Nick Jennings e Bob Boyle
Exibido pelo canal Cartoon Network

Ramon Prates

Ramon Prates

Analista de sistemas nascido em Salvador (BA) em 1980, mas atualmente morando em Brasília (DF). Cinema é sem dúvidas o meu hobby favorito. Assisto a filmes desde pequeno influenciado principalmente por meus pais e meu avô materno. Em seguida vem a música, principalmente rock e pop.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: