Review | Agents of S.H.I.E.L.D. – 3×11: Bouncing Back

Agents of S.H.I.E.L.D. está de volta para a segunda metade da 3ª temporada. O ritmo da primeira metade estava bem frenético e a cada episódio um novo “problema” que era resolvido no mesmo capítulo e ainda tinha uma boa deixa para o seguinte. Em “”Bouncing Back” parece que resolveram pisar um pouco no freio (talvez por conta da estreia de “Capitão América: Guerra Civil” em Abril), mas mesmo assim aconteceram coisas interessantes.

Aviso de SPOILERS

Os comentários a seguir falam sobre acontecimentos encontrados em Bouncing Back, o décimo primeiro episódio da terceira temporada de Agents of S.H.I.E.L.D.

O episódio começa com a equipe da S.H.I.E.L.D. indo para Bogotá na Colômbia investigar uma Inumana que roubou armas da polícia. A personagem temporária foi apelidada por Mack de Ioiô, mas seu nome real é Elena Rodriguez. Ela é uma aparente ameaça, mas não demora muito para se descobrir que suas intenções eram nobres. A polícia local é corrupta e Elena junto com seu primo estavam roubando as armas para salvar a comunidade em que moram.

Só que a polícia também tem seu próprio Inumano, um sujeito que dispara um raio dos seus olhos capaz de imobilizar qualquer pessoa. Uma espécie de medusa. O sujeito dá trabalho, mas Daisy junto com Elena conseguem dar conta do cara combinando seus poderes. Mas o cara consegue fugir sendo capturado por um avião da HYDRA. Então é bem provável que encontremos com ele novamente futuramente.

Essa história de ter um novo personagem com poderes lembrou um pouco a fórmula da 1ª temporada onde a cada episódio tinha o caso da semana. Mas essa foi só uma leve impressão. No final das contas o capítulo conseguiu equilibrar esse formato ao mesmo tempo que caminhou com a trama principal. Mas surgiu uma teoria interessante acerca dos Inumanos (que vem dos quadrinhos). A origem dos seus poderes teria a ver com a necessidade da época que a pessoa os adquiriu e que haveria um equilíbrio entre eles. É algo interessante e que espero ser melhor explorado durante o restante da temporada.

maos-s03e11-foto1

Em busca de Malick

Enquanto isso Coulson está com a prioridade de ir atrás de Gideon Malick e acaba recebendo um novo apoio. Ele faz um encontro secreto com o presidente dos EUA e apesar de não receber um apoio oficial, o presidente quer que a S.H.I.E.L.D. continue prestando seus serviços de forma “não oficial”. Mas o presidente não quer se meter no assunto relacionado a Malick porque o cara é muito influente no mundo.

Coulson resolve então usar uma máquina que recupera memórias, a mesma que ele foi submetido em TAHITI, em Strucker que está num estado mental bem ruim. É um risco a vida do cara, mas é em nome de um bem maior que é conseguir uma pista sobre Malick. O negócio acaba dando certo e foi bom ver a equipe com seus novos e antigos integrantes interagindo bem e em como aos poucos Coulson vai mostrando confiança neles.

A pista dá certo e Coulson consegue entrar em contato com Malick, mas ainda é muito pouco para conseguir derrotá-lo. O sujeito não pareceu muito intimidado e prometeu retaliação. Ele está bem ocupado tentando fazer com que Walking Ward se recupere e mostre todo o seu real poder. Ward dá uma pequena amostra do que é capaz, mas só no próximo capítulo que devemos ter alguma real noção do que ele é realmente capaz.

maos-s03e11-foto2

Relacionamentos amorosos e família

Esse acabou sendo o tema do final do episódio. A novela entre Fitz e Simmons ganhou um novo capítulo. Eles resolveram que vão tentar começar novamente e ver se dessa vez vai dar certo. Após tantas coisas que já aconteceram entre eles confesso que estou torcendo para que esse relacionamento finalmente dê certo. Enquanto isso lembraram do que tinha rolado Daisy e Lincoln e resolveram dar mais um passo. Esses dois eu já não sei se vai dar muito certo, pode acabar rolando uma mistura de trabalho com relacionamento parecido com Bobbi e Hunter.

Mas o mais interessante foi a escolha de Elena “Ioiô” em preferir ficar com a sua família onde ela acha que será mais útil e importante do que na S.H.I.E.L.D., e isso acabou sendo uma deixa para Joey Gutierrez aproveitar para também voltar para sua família após uma breve participação na equipe. Será que eles voltarão em algum momento? Existe essa possibilidade.

maos-s03e11-foto3

Surpresa do final

E a cena escondida trouxe um retorno interessante. O presidente dos EUA resolveu deixar a ATCU (no Brasil na Sony traduzido como UACA) como a equipe oficial, mas que iria responder diretamente a S.H.I.E.L.D., mais precisamente a Coulson. Então ele nomeou Glenn Talbot para o cargo. A cara de Coulson não foi das mais felizes, mas vamos ver se agora eles irão se entender bem estando oficialmente do mesmo lado.


 

Série: Agents of S.H.I.E.L.D.
Temporada: 3ª
Episódio: 11
Título: Bouncing Back
Roteiro: Monica Owusu-Breen
Direção: Ron Underwood
Elenco: Clark Gregg, Ming-Na Wen, Brett Dalton, Chloe Bennet, Iain De Caestecker, Elizabeth Henstridge, Nick Blood, Adrianne Palicki, Henry Simmons e Luke Mitchell
Exibição original: 08 de Março de 2016 – ABC

Analista de sistemas nascido em Salvador (BA) em 1980, mas atualmente morando em Brasília (DF). Cinema é sem dúvidas o meu hobby favorito. Assisto a filmes desde pequeno influenciado principalmente por meus pais e meu avô materno. Em seguida vem a música, principalmente rock e pop.

One thought on “Review | Agents of S.H.I.E.L.D. – 3×11: Bouncing Back

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *