Review | Homeland 5×10: New Normal


É triste constatar isso, mas talvez seja mesmo hora de Homeland começar a pensar em encerrar suas atividades.

Aparentemente o que prometia ser a melhor temporada de Homeland até então saiu dos trilhos do meio para frente. Confirmando meus maiores temores já aqui previamente expostos, a série seguiu abrindo mão de bastante coerência narrativa e forçando a mão na capacidade de suspensão da descrença por parte da audiência. Em uma série que sempre se pretendeu mais verossímil isso é um grave problema.

Esse problema se evidencia quando a Allison consegue, mais uma vez, usar de suas espantosas habildiades de persuasão sobre Dar Adal, convencendo-o de que na verdade era Ivan era seu agente infiltrado, e não o contrário. As informações sigilosas da inteligência russa providas por Ivan que confirmam o potencial de ameaça com Gás Sarin anunciado pelos terroristas – e carrascos de Quinn – ajudam a corroborar a farsa de Allison e a fazem ganhar tempo.

Homelando5x10-004

A propósito de Quinn, quando se pensava que não há limites para seu sofrimento, os produtores da série parecem dar todas as provas de que só podem ter algo pessoal contra o ator Rupert Friend. Talvez uma punição por ele ter decidido estrear mais uma malfadada adaptação de Hitman… quem sabe. De fato não parece haver limites para o sofrimento de Peter Quinn. E eu me questiono se isso levará a algo que não seja mero sadismo.

É também frustrante ficar cada vez mais evidente que Otto Düring é apenas mais um personagem errático. Curioso que os produtores decidiram abrir mão de qualquer verossimilhança para apostar em clichê após clichê com Allison, enquanto preservam um personagem com bastante potencial como Otto como algo apenas sem muita definição. Ás vezes Otto se mostra um grande articulador, talvez com motivos escusos; em outros um chefe temerosos que não hesita em descartar sua mais talentosa funcionária ao primeiro sinal de problema mais grave, a mesma pela qual, anteriormente, ele já havia demonstrado grande interesse emocional.

Homelando5x10-001

Ao fim e ao cabo o episódio serve apenas para explorar a ideia de “New Normal”, ou, o novo normal, na tradução mais precisa. Uma expressão que sintetiza mais ou menos a ideia de que, certas circunstâncias são suficientes para que abra mão de certos padrões éticos pré-estabelecidos, ainda que esses últimos, em se tratando da comunidade da inteligência e contra-inteligência lidando com ameaças terroristas e violando direitos fundamentais, já são por demais questionáveis.

É triste constatar, mas a não ser que uma grande reviravolta nos aguarde nos dois últimos episódios – o que não parece ser o caso – talvez seja mesmo hora de Homeland começar a pensar em encerrar suas atividades.



homeland posterSérie: Homeland
Temporada:
Episódio: 10
Título: New Normal
Roteiro: Meredith Stiehm & Charlotte Stoudt
Direção: Dan Attias
Elenco: Claire Danes, Rupert Friend, Mandy Patinkin, Miranda Otto, Sebastian Koch, Mark Ivanir e F. Murray Abraham.
Exibição original: 06 de Dezembro de 2015 – Showtime
Graus de KB: 2 – Rupert Friend atuou em Jolene (2008) com Theresa Russell que esteve em Garotas Selvagens (1998) com Kevin Bacon.

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *